Como Foi Bom Ser Criança!!! – Parte 2

Meus queridos Pipoqueiros, vamos falar novamente de programas infantis dos anos 80 e 90, agora chegou a vez da Record e Bandeirantes.

Das duas a primeira a ter um programa voltado ao publico infantil foi a Record, com “A Turma dos Sete”, mas como esse programa durou de 1959 a 1965, não vou entrar em detalhes pois não é do meu tempo e nem faz parte do tema em questão.

Mas foi a TV Bandeirante quem começou nos anos 80 com sua programação infantil, no ano de 1981 estreou a primeira versão do programa “TV Criança”, que durou até 1983.

Como não achei nenhum vídeo da abertura do programa, fiquem com a participação de As Patotinhas no programa.

Depois em 1987 estreava na TV Bandeirantes o programa “ZYB Bom”.

ZYB Bom durou até 1989 e era apresentado pelo sexteto de crianças formado por Rodrigo, Samantha, Jefferson, Juliana, e os filhos da cantora Vanusa, Aretha Marcos e Rafael Vanucci. No programa as crianças apresentavam brincadeiras como Brincadeira Tem Hora, e musicais.

Entre os desenhos, os mais aguardados eram da produtora americana Hanna-Barbera, como Dom Pixote, Esquilo Sem Grilo, e Os Herculóides.

Em 1990 TV Criança volta ao ar, mas dessa vez aproveitando o sucesso dos seriados japoneses exibidos na Rede Manchete, a Bandeirantes entra nessa onda e começa a exibir Goggle V, Sharivan (alguns chamavam de Jaspion vermelho ou Jaspion 2), Machineman e Metalder.

Durante os anos 90 a Bandeirantes não teve muito destaque com uma programação voltada as crianças, mas em 1999 ela foi a primeira emissora brasileira a transmitir a continuação de um dos animes mais famosos do mundo, estou falando de “Dragon Ball Z”.

Passava as 15h, com episódios duplos de 1h de duração, depois o anime mudou de emissora, e eu falo outra hora sobre isso.

Só em 2000 que a Bandeirantes passou a ter em sua grade de programação atrações voltada a crianças, mas dessa vez com mais regularidade, estrou nessa época o programa “Band Kids”.

O programa era apresentado por  Renata Sayuri Kajiyama, conhecida como sua personagem Kira, tendo como seu bordão: “Eu Sou Kira!”. O programa foi o mais bem-sucedido programa infantil da época, já que a ele tinha a melhor audiência e a apresentadora Renata Sayuri, também fez sucesso, tendo recebido mais de 60 mil cartas apenas um mês depois da estreia do programa. Isso se deu pelo fato de o programa exibir os desenhos mais populares naquele momento, como Dragon Ball Z, Tenchi Muyo e El Hazard. Além de exibir os desenhos Cadillacs e Dinossauros, Os Seis Biônicos, Dragões Alados e O Mago, que não eram animes.

O programa teve sua baixa em 2001 quando perdeu Dragon Ball Z para a Globo, com isso a audiência caiu, mesmo com a compra de novos animes e desenhos, não teve a mesma popularidade.

Mais tarde a Bandeirantes comprou o direito de transmitir os já conhecidos animes Yu Yu Hakusho e Cavaleiros do Zodiaco. Mas isso é outra história, outra época, hoje vamos falar de anos 80 e 90.

A Rede Record  foi ter uma programação infantil mais periódica, só nos anos 90, e começou com o programa “Agente G”.

A série que durou de 1995 até 1997, contava as aventuras do Agente G, interpretado por Gérson de Abreu, membro da organização G.E.L.O. (Grupo Especial pela Lei e a Ordem), contra os planos da C.O.I.S.A. (Central Odiosa de Inimigos Safados e Abomináveis), uma organização do mal. Todos os outros membros da G.E.L.O. moram em sua geladeira, sendo todos vegetais ou outro tipo de alimento.Cada episódio trazia uma história básica do Agente G contra as atividades da C.O.I.S.A.. Apesar de que a grande maioria das histórias continha lições de moral, o teor pedagógico se concentrava em quadros educativos com grande conteúdo humorístico que era exibido ao longo dos episódios. O programa também continha séries e desenhos animados.

O programa passava durante a semana as 20h, e além das aventuras do Agente G, passava também séries como O Mundo de Beakiman e Zorro, e desenhos como O Gato Felix, Faisca e Fumaça e Beetlejuice.

Em 1996 estreava “Mara Maravilha Show”.

Iniciou indo ao ar todos os sábados, de 12h às 14h. Posteriormente, o horário foi alterado, passando a ser exibido entre 14h e 16h. Mais tarde, passou a ser exibido de segunda a sexta-feira, das 15h45min às 16h45min.O programa marcou o retorno da apresentadora do Show Maravilha à televisão brasileira, afastada desde sua saída do SBT em 1994. No programa exibido aos sábados, Mara comandava brincadeiras com o auditório, recebia convidados e atrações musicais e ainda interpretava vários papéis cômicos. Quando o programa passou a ser exibida de segunda a sexta-feira, passou a contar também com a exibição de desenhos animados. Um dos destaques do programa era a participação dos palhaços Catchup e Mostarda, que interagiam com Mara e o auditório em quadros cômicos. O Mara Maravilha Show chegou ao fim no ano seguinte, quando Mara passou a apresentar o programa “Mundo Maravilha”, nas manhãs também na Record.

O programa tinha atrações com características lúdicas e educativas. Mara fazia reportagens, ensinava dobraduras e outras formas de artesanato às crianças e recebia convidados. Em um dos quadros do programa, Mara telefonava para a casa dos telespectadores, fazendo brincadeiras mediante as quais eles podiam ganhar prêmios. O programa contava, ainda, com a exibição de vários desenhos animados, como Ace Ventura e Snoopy.

Em 1998 entrava no ar o programa Eliana & alegria.

O programa foi a primeira participação de Eliana na Record, durou até o ano de 2003. Era exibido de segunda à sexta-feira, primeiramente durante as manhãs, e posteriormente, durantes as tardes. Durante a atração, Eliana fazia brincadeiras com as crianças, matérias externas e passava, claro, muitos desenhos animados, entre eles o mais famoso, e que por muitas vezes ganhou da Globo nas manhãs da semana, Pokémon.

Pokémon foi um sucesso absurdo, por conta disso passou a ser transmitido também durante a tarde.

O Programa teve seu final logo depois que Pokémon mudou de emissora, mesmo a Record passando a transmitir o anime Sailor Moon, não conseguiu manter a mesma audiência de antes.

Hoje nenhuma das duas emissoras possui em sua grade de programação voltada para as crianças, volta e meia elas transmitem algum desenho, filme ou série, até mesmo o Band Kids deixou de existir.

Num próximo post vou falar do que foi para mim, e para muitos, a melhor faze de programação infantil da televisão aberta brasileira, vou falar exclusivamente da extinta Rede Manchete.

“Os guardiões do Universo

Hão de vencer o mal

O seu destino é combater

Por um mundo ideal

Cavaleiros do Zodíaco

Lutadores com poder Astral

Se o Inimigo é demoníaco

Sua Luta é mortal!”

@benatogomes

Anúncios

Pipoca aí, pode escrever!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s